My blog in your language

terça-feira, 6 de julho de 2010

Sobre humanidades



Oi amados. Nada de seções do blog hoje. Nada de falar de sonhos. E nada de falar de mim. Hoje vou falar de uma cena que vi há mais de dois meses, mas que ficou na minha cabeça de tal forma que acho impossível de se esquecer. Eu estava voltando de um curso e, o engarrafamento, imenso. E de relance passei os olhos sobre uma senhora na rua. Ela, provavelmente uma moradora de rua, estava dando parte de sua escassa comida para um cachorro, igualmente faminto, quando acabou deixando todo o prato de comida virar no chão. E, sem pestanejar, começou a ajuntar toda aquela comida novamente. E o que me espantou não foi ver o desespero dela, tão somente, mas reparar a cara de nojo das pessoas que passavam na rua e olhavam a cena. Elas possuem nojo de um aparente ato de falta de higiene, porém não sentem a mesma coisa quando votam em um candidato que referenda uma situação de exclusão tão antiga quanto nosso "descobrimento"! Penso que o senso de limpeza - infelizmente só externa - e bons hábitos, entre muitas aspas, ficou no lugar do que deveria vir primeiro: o respeito pelo ser humano, pelo próximo. Não consigo entender como o limite do outro, de sua necessidade, é tão distante para muitos de nós, "humanos", e como, principalmente, não nos indignamos de presenciar situações, infelizmente, rotineiras como esta. É fácil parar para assistir a um jogo da copa onde milhões de dólares estão em jogo; mas deve ser muito difícil olhar para o lado.

17 comentários:

  1. Esta ilha não tem fortuna
    Trocou-a por um curioso mistério
    Este irreal e intenso verde
    Que inunda o olhar mais sério

    Nesta ilha há um beijo na tua procura
    Nesta ilha as pedras não têm idade
    Nesta ilha as juras são lançadas à maresia
    Nesta ilha o sonho é janela da verdade

    Doce beijo

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelo seu comentário.
    Eu adorei essa postagem.
    Infelizmente vivemos em uma sociedade egoísta. As pessoas não conseguem ver além das aparências e do que é 'belo'.
    Esses poucos, nós, que se preocupam com o próximo devem se unir e de alguma forma abrir os olhos do povo.
    Amooo vir aqui também.
    Parabéns pelas palavras, Michelle. =]

    ResponderExcluir
  3. Oi Michelle,
    Adorei seus textos, seu blog e também, é claro, seus elogios....(rsrsr). Obrigada!
    Beijos,
    Adriana Pinheiro

    ResponderExcluir
  4. nossa realmente uma cena triste
    adorei o seu blog
    e te sigo
    vc escreve muito bem querida

    ResponderExcluir
  5. É muito triste ver que enquanto uns tem muito e desperdiçam outros tem pouco e são julgados por um ato de falta de higiene talvez, mas um ato que mataria a fome!
    Beijoo

    ResponderExcluir
  6. Amei seu blog. Me identifiquei demais, além de lindo contém ótimos textos.Estou te seguindooo!! Bjão / apareça mais vzes\!!!

    ResponderExcluir
  7. Pois é.. infelizmente a maioria das pessoas nem se preocupam com a tristeza e o sofrimento dos outros :(
    Espero que essa situação mude.

    Ah ! Te indiquei lá no meu blog, para uma postagem :)

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Michelle vc flou tudo.. eu tb fico inconformada. A desigualdade é tão absurda e a maioria das pessoas só se preocupam com elas mesmas.. sem flar do preconceito. Uma de minhas metas para o futuro, quando eu tiver condição financeira suficiente, é fazer um asilo para idosos moradores de rua. Eu sei q é uma pequena porção nesse universo de falta de humanidade, mas para aquelas pessoas vai fazer diferença.

    ResponderExcluir
  9. sim vivemos num mundo que um quer ser melhor que outro ! não deveriamos ser assim ! temos que lutar pra ser iguais e juntos ! cada um mostrando suas qualidades e oque tem de melhor ! assim contruimos uma sociedade melhor ! se patir de cada um ai sim conseguerimos ! beeijos

    ResponderExcluir
  10. ola linda gostei bastante de seu cantinho que Deus te abençõe sempre! sim gostei da criatividade de mostrar a realidade são tantas coisas desagradaveis no mundo quem mais tem não é feliz(...) parabens e obrigada pela visita la no meu blog um abraço katia
    http://ktflordemenina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Linda Ta rolando o segundo sorteio no meu Blog,e ficaria muito feliz com a sua participação!Dá uma passadinha lá pra conferir!quem sabe você ganha!!
    Beijos e um otimo sabado!!
    =)
    http://julianakenzi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. é miga é a dura realidade, e vejo tanto isso qdo passo nas ruas, fico olhando pela janela do ônibus e pedindo pro Senhor olhar por todas as pessoas e mudar a situação! bjoks miga amo-te viu?

    ResponderExcluir
  13. Oi Michele, tudo bem??

    Seu blog é super fofo! Muito bonitas as suas mensagens. Parabéns!!!

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  14. Oi flor!
    vc escreve mto bem viu!!!
    pois eh neh , deve ter sido mto triste ver essa cena.... as pessoas olham com cara d nojo pq tem o q comer, mas se estivesse na situação dela, talvez nem dividiriam com o pobre cachorrinho tbm...
    sobre politicos, olha eu sei q nao posso ser pessimista, mas eh cada coisa q se candidata no brasil, e la q tem os maiores salarios pra deputados tbm neh...olha eu ate acredito q deva existir um ou outro politico honesto, afinal toda regra tem sua exceção neh, mas na minha opinião pelo menos no br, politico eh na sua maioria corruptos sim.... eu nunca votei, mas axo dificil um politico merecer meu voto, axo mais facil eu votar em branco ou nulo ...
    e eu odeio patriotismo d copa... ok, eu vejo os jogos da copa sim, mas nao entendo tanta gente revoltada xingando Deus e o mundo qdo o br perde.... eh soh um jogo neh!
    quem ganha ou perde com isso são sempre os jogadores,tecnicos ... rs ... e sem contar q tudo aumenta na copa neh, menos o salario kkk ...
    aii...desabafei...kkkk
    bjuxx

    ResponderExcluir
  15. Frase do lama SANTEM
    "A bondade é uma capacidade de ir além da própria identidade e olhar os outros seres a partir da perspectiva deles mesmos."

    ResponderExcluir
  16. PARABÉNS PELO SEU BLOG QUERIDA, MUITO LEGAL E ORGANIZADO. FK COM DEUS.

    ResponderExcluir